A Lenda da Vitória-Régia

Antropologia

 Pensando nas HISTÓRIAS, COSTUMES e TRADIÇÕES de cada povo e país.

A Lenda da Vitória-Régia

Havia uma índia, jovem e bonita, chamada Naiá, filha de um chefe indígena. Sabendo que a Lua era um guerreiro, por ele, ela se apaixonou. Todas as noites, por muito tempo, subia as colinas e perseguia a Lua na esperança de que a visse e a transformasse em estrela. Porém, a Lua não notava a sua presença e Naiá chorava de tristeza. Uma noite, a jovem chegou à beira de um lago e viu nas águas a imagem da Lua refletida. Ficou radiante. Acreditando que a Lua teria vindo buscá-la, atirou-se em suas águas profundas e nunca mais foi vista. Penalizada com o destino da bela índia, a Lua recompensou seu sacrifício, transformando-a em uma estrela diferente, em uma ‘estrela das águas’, que é a vitória-régia. A vitória-régia, planta amazônica, possui uma enorme folha e suas flores, ora brancas, amarelas, roxas, lilases ou rosas, abrem-se somente à noite, exalando um perfume delicado e agradável.

Origami & Folclore. São Paulo, Êxito, 2003.

Daily Post 7: Meddle. Cultural meddling: Richard Rasmussen. Rituais Indígenas do Brasil

How to become a man?

https://dailypost.wordpress.com/prompts/meddle/

Direito-USP aprova reserva de vagas raciais via Enem 2017. | VEJA.com

O sistema de cotas, tão importante numa sociedade tão desigual!

 Para o próximo ano, 30% das vagas serão oferecidas via Sisu — dessas, 20% serão destinadas a pretos, pardos e indígenas e 10% a alunos de escolas públicas.

Fonte: Direito-USP aprova reserva de vagas raciais via Enem 2017 | VEJA.com

‘Mortes de crianças indígenas é 56% maior do que de não-indígenas.’ | Desacato

4-3-e1481979711338

Por Gisele Rodrigues.* Seminário neste fim de semana discutirá temas como mortalidade infantil e educação escolar diferenciada Em média, três mortes foram registradas a cada 100 internações de cria…

Fonte: Mortes de crianças indígenas é 56% maior do que de não-indígenas | Desacato

Antropologia e Filosofia da Arte. Música. ‘A banda que toca heavy metal em tupi-guarani.’

Notas suaves de viola e um chocalho tocados por homens com corpos pintados fazem fundo para uma canção em tupi-guarani. O som se propaga pela

Fonte: A banda que toca heavy metal em tupi-guarani

Antropologia e Ética. Afro-descendentes no Brasil, com muito orgulho!

Lenda africana: ‘O coração do baobá’.

Reflexões:

Você sabia que existem cinco etnias no Brasil graças à mobilidade e miscigenação dos povos ao longo do tempo? São elas: Indígena ou Vermelha (América); Branca (Europa); Negra (África); Asiática ou Amarela (Ásia) e Parda, fruto da miscigenação da Indígena com a Branca, da Indígena com a Negra e da Negra com a Branca.

Você sabe a qual etnia você e sua família pertencem?

Por que algumas pessoas chamam Negros e Pardos de ‘morenos’? Será que dizer Negro ou Pardo ofende, magoa?

Antropologia. A Cultura Indígena com o ‘Cantinho das Perguntas’.

A CULTURA INDÍGENA
Cantinho das Perguntas com Ilustração:
Atividade inspirada em Paulo Freire, ¨Por Uma Pedagogia da Pergunta.¨

1-A. Por que os índios andam nus?
2-P. Por que eles pintam o rosto?
3-A. Existem índios em outros países, além do Brasil?
4-G. Por que eles matam os animais?
5-J. Como conseguem andar pela floresta sem sapatos e roupas?
6-A. Pocahontas era uma índia?
7-K. Os índios já foram escravos?
8-A. As crianças indígenas trabalham?
9-E. Qual é a rotina diária dos índi@s?
10- L.F. Como os índios não ficam doentes tomando água sem tratar?

Entradas Mais Antigas Anteriores