‘O Apocalipse’. Nicolas Cage

Filosofia da Arte. CINEMA. ‘Discovering Mavericks’ – Jay Moriarity, Mark Foo, Peter Mel

ENTRETENIMENTO. A Mulher Biônica – O Demônio da Noite 

Ice Um Dia Depois do Amanhã – YouTube

‘Fenda no Tempo’. Stephen King

Coco Chanel

Vídeo

Cinema. ARTE

Filosofia da Arte e Ética. Cinema. ‘Olhos Azuis’

Sobre imigrantes.

Filosofia da Arte. Filosofia da Ciência. ‘Todas as Manhãs do Mundo’ – YouTube

20 filmes que vão estrear em 2017, de ‘T2: Trainspotting’ a ‘Star Wars Episódio VIII’

20 filmes que vão estrear em 2017, de ‘T2: Trainspotting’ a ‘Star Wars Episódio VIII’

Fonte: 20 filmes que vão estrear em 2017, de ‘T2: Trainspotting’ a ‘Star Wars Episódio VIII’

Ética e Filosofia da Arte. Cinema. ¨Código de Conduta¨

Que tal um filme? ‘Um crime de mestre’. Anthony Hopkins. Bom!!

Filosofia da Arte. Cinema. Drama, Amargura, Medo.

HORROR

Filosofia da Arte. Cinema. Las Insoladas

Um perfeito encontro entre amigas! Golden girls.

lasinsoladas

Daily Prompt 9. UNDERSTANDING. A ‘teacher’s day’.

The difficult task of a teacher: to be demanding and loving at the same time.

https://dailypost.wordpress.com/prompts/understanding

 

¨25 filmes que você precisa ver antes de morrer¨ – Estadao.com.br

25 filmes que você precisa ver antes de morrer

Fonte: 25 filmes que você precisa ver antes de morrer – Estadao.com.br

Ética e Filosofia da Arte. Mulheres e Feminismo

Daniela Lima / “Mais de um século após a publicação de Reivindicação dos direitos da mulher, Nise via erguerem-se em tono de si muros semelhantes aos que separavam Mary Wollstonecraft de conquistar a cidadania plena. A conquista dos direitos pelas mulheres nunca é permanente. É necessário um estado de constante vigilância diante dos possíveis retrocessos. Nise não foi enviada à guilhotina, como aconteceu com Olympe de Gouges, mas teve que estremecer o muro tão sólido quanto invisível da falsa razão.”

via A potência do não: Nise da Silveira e Mary Wollstonecraft — Blog da Boitempo

Antropologia. Zeus e Star Wars

Com alun@s geniais eu cresço muito a cada dia!

“Que tal, me perguntou M., se juntarmos a sua história de Zeus com a minha leitura de Star Wars em quadrinhos, agora, professora?” Claro, respondi eu. E assim foi a aula da semana, muito longe da planejada, cheia de espontaneidade e emoção. Muito obrigada aos meus pequen@s-grandes amig@s do dia a dia!

FILOSOFIA DA ARTE. CINEMA. ‘It Was Not Depression That Killed Robin’: Susan Williams Opens up to PEOPLE About Husband’s Battle with Lewy Body Dementia

“I’ve spent this last year trying to find out what killed Robin. To understand what we were fighting,” Susan told PEOPLE

Fonte: ‘It Was Not Depression That Killed Robin’: Susan Williams Opens up to PEOPLE About Husband’s Battle with Lewy Body Dementia

Filosofia da Arte. Cinema. Robin Williams

Um ator incrível. Deixará lembranças muito boas pra mim.

Obrigada!

¨Amor além da Vida¨

¨Bom-dia, Vietnã¨

Leituras indicadas:

http://cultura.estadao.com.br/noticias/cinema,robin-williams-e-encontrado-morto,1542242
Atualização em 3-11-2015: http://www.people.com/article/robin-williams-widow-susan-williams-people

FILOSOFIA da ARTE. Cinema. Mazzaropi. Casinha Pequenina (1962)

Uma linda produção brasileira, antiga, com o ator, Mazzaropi, Casinha Pequenina (1962).

Quem puder, assista a este filme em casa e elenque algumas perguntas para debatermos em sala de aula.

Bom divertimento!

http://www.youtube.com/watch?v=bzFWHb5PmbA

Filosofia da Arte. Cinema. Fourtysix things you didn’t know about Marilyn Monroe!

Para Mauri e Teo. Saudades das ¨Festas do Oscar¨!

(…)¨o charme de Dietrich e o sorriso de Doris Day. Um abraço de quem não tem nem uma coisa nem outra.¨

Antônio Teodoro

 Curiosidades sobre a vida de Marilyn Monroe.

primeiro desenho animado da história

LIEBSTERBLOGAWARD MLD

FILOSOFIA da ARTE – TEATRO.CINEMA

Filosofia Animada

Émile Cohl não foi apenas um francês talentoso, mas também o pai da animação. Como conta os historiadores, ele criou o praxinoscópio – sistema de animação de 12 imagens e filmes de aproximadamente 500 a 600 imagens – projetado no seu próprio théatre optique em 1892 . Com isso, surgia a possibilidade do primeiro desenho animado da história.

Em 1908, nasceu o curta “Fantasmagorie” – do mesmo sujeito francês – trazendo uma explosão de traços e transformações do personagem principal, um boneco feito de palitos que interage com outros personagens bizarros, com garrafas gigantes e até com elefantes se transformam em prédios. Foram 5 meses e 700 desenhos para a produção.

Outros historiadores discordam e consideram “Humorous Phases of Funny Faces”, de J. Stuart Blackton, a primeira tentativa feita em 6 de abril de 1906. O cineasta inglês – um pouco mais monótono – recheia a lousa com stopmotions e…

Ver o post original 43 mais palavras