‘Meu gato idoso está confuso’. — Vila do Pet

Manter as coisas organizadas dá uma sensação de conforto e para o seu gato idoso não é diferente.
Como você já o conhece, seu gato gosta de ter uma rotina (nem sempre produtiva) diária. Manter essa rotina se torna ainda mais importante à medida que eles envelhecem.O cérebro do seu gato não é o mesmo, como resultado, eles podem facilmente se tornar confuso pela mudança. Manter uma rotina estruturada os ajudará a prever facilmente o dia seguinte, o que os deixará se sentindo relaxados e felizes.

Mudanças

Ninguém gosta de mudar.
Algumas mudanças, no entanto, são inevitáveis – para a tristesa do seu felino.
Alterações na casa, novos membros da família, visitas ao veterinário – todas as coisas que podem interferir na rotina familiar e segura do seu gato idoso e deixá-lo infeliz.
Certifique-se de que quaisquer alterações – grandes ou pequenas – sejam feitas de forma lenta e correta. É como colocar um peixe em um novo aquário, você deve colocá-los lentamente, deixando-os a se acostumar com a nova temperatura.
Com o seu gato é da mesma forma, mas ao invés da temperatura, com eles é sobre novos ambientes, sons e as pessoas que eles possivelmente possam encontrar.

Feliway Classic Difusor

Como seres humanos, temos coisas que nos trazem paz de espírito. Talvez seja tomar um café em sua caneca favorita ou até mesmo aquela blusa de frio antiga mas que você se sente muito mais confortável e aconchegante.Gatos também adoram aconchego.
FELIWAY pode ajudá-lo a criar um ambiente confortável para o seu amigo idoso.
O que você precisa fazer? Plugue um difusor de FELIWAY CLASSIC no cômodo que ele passa a maior parte do seu tempo para reforçar a sensação de confiança e fazê-los sentir mais seguros em casa

Área de Convívio

Conforme as pessoas envelhecem, elas tem a mobilidade reduzida e acabam recorrendo a lugares menores e mais tranquilos para morar. Os gatos também tem essa mobilidade reduzida.
Seu gato pode se sentir muito mais confortável com a sua área de convívio menor, ou seja, um quarto de sua casa.Este refúgio acolhedor deve conter tudo o que eles precisam: comida, água, uma caixa de areia, arranhador e lugares para descansar e se esconder. Apenas lembre-se de manter a caixa de areia e comida o mais distante possível. Seu gato será grato por esta pequena atenção aos detalhes.

Fácil Acesso

Seu gato idoso tem as mesmas necessidades diárias, mas ele pode achar mais difícil chegar aos seus recursos. Você deve ter certeza de que eles têm acesso fácil a tudo – comida, água, caixa de areia, etc. Retire os obstáculos para acesso, até mesmo para o local que ele mais gosta de cochilar.Lembre-se de também se certificar de que as “bordas” da caixa de areia não sejam muito altas, pois eles podem ter dificuldade para entrar, devido à artrite ou a qualquer outra condição dolorosa.

Corpo ativo, mente sadia

Mesmo na velhice as pessoas gostam de se divertir. Com seu gatinho não é diferente.
Os especialistas recomendam sessões de brincadeiras diárias com o seu gato idoso para manter o cérebro e o corpo ativo.Certifique-se de manter a atividade simples e segura, ou seja, nada muito difícil – seu felino não é mais um filhote.

Primeiros Socorros para Animais

ATIVIDADES de FILOSOFIA:
Leia o artigo abaixo.
Faça perguntas, desenvolvendo a sua curiosidade.
Dê uma opinião pessoal, desenvolvendo as ideias próprias.
Debates.


Engasgamento –SuperinteressanteMão na goela Abra a boca do bicho e tente tirar o objeto com a mão. Se ele tentar morder ou não colaborar, mude a estratégia: dê um tapa nas costas, entre as omoplatas. Se o animal for pequeno, vire-o de cabeça para baixo e o sacuda pelas pernas. –SuperinteressanteTenha calma…

via Como prestar primeiros socorros a animais — Superinteressante

Título de um, imagem de outro, conteúdo de um terceiro…

¨Ninguém deve ser obrigado a nada.¨

cat-crazy-and-forgetful-cats-who-forgot-how-to-eat

‘Every Home Needs a Cat.’ by ZG Watkins — Chicago Literati

Here lives a nice family. They just had a boy. Their first child. His name is Edgar. He’s a good baby, doesn’t cry too much. At least not at night. Sleeps most the way through. His mother breastfeeds, I think. No, I don’t think. I’m positive, actually. The gas line runs right along the wall, […]

via Every Home Needs a Cat by ZG Watkins — Chicago Literati

4 de Outubro. Dia Internacional dos Animais

LIEBSTERBLOGAWARD MLD

Animais Domésticos

O QUE DEVEMOS FAZER PELOS CÃES E GATOS DA NOSSA CASA?
1) COMIDA ou RAÇÃO TODOS OS DIAS.
2) TROCAR A ÁGUA DIARIAMENTE, VASILHA LIMPA e na SOMBRA.
3) BANHO COM ÁGUA MORNA a CADA 7 OU 10 DIAS, SE HOUVER SOL.
4) DUAS VACINAS POR ANO: ANTIRÁBICA E V11, APLICADAS NO VETERINÁRIO!!!
5) BRINCADEIRAS E CARINHO.
6) PASSEIOS? SOMENTE NA COLEIRA, é OBRIGATÓRIO, é LEI.
7) SE SUJAREM O JARDIM OU A CALÇADA, RECOLHA OS DEJETOS E JOGUE-OS em uma LIXEIRA PÚBLICA.
Em 24/05/2012 surgiu uma fantástica iniciativa da Prefeitura Municipal de São Paulo:  a contrução de um
HOSPITAL PÚBLICO MUNICIPAL PARA CÃES E GATOS!